E AGORA? A INTERNAÇÃO ACABOU

E AGORA? A INTERNAÇÃO ACABOU

Após longo período de internação tanto a família como o paciente, ficam perdidos sobre o que fazer deste ponto em diante, afinal, foram seis, nove meses fora de casa e este retorno nunca é fácil ou simples, sendo importante para a família também ser acompanhada neste período.

Muitos Centros de Tratamento e Comunidades Terapêuticas não possuem ambulatório para a continuidade do tratamento pós-internação, outras até possuem, mas estão localizadas longe de seus domicílios, em outras cidades ou até outros estados.

O problema é que estas instituições impõem a continuidade do tratamento com eles, chegando algumas vezes a intimidar tanto a família como profissionais da área da saúde que tiveram contato com o interno e criaram vínculo com o mesmo, que os escolhe para ser seu orientador nesta nova fase de sua recuperação.

O paciente, assim como a família, tem o direito de escolher qual será o local que dará continuidade neste processo de recuperação, com os devidos profissionais. É um direito adquirido em procurar um ambiente e uma metodologia que melhor o atenda, onde se sinta mais confortável e confiante, facilitando assim a adesão e a manutenção de seu tratamento.

Procure conhecer os locais que oferecem tratamento pós-internação, conversem com os profissionais, verifique o que será oferecido e então decida qual prestador de serviços irá contratar.

A CUORE oferece à família, acompanhamento psicológico e orientações sobre como lidar com o paciente neste retorno ao lar, através de terapias em grupo, individual e palestras informativas com profissionais especializados, nas áreas de psicologia, psiquiatria, e assistência social. Agende uma visita ou participação de nossas palestras.

Se você gostou deste post curte no seu perfil do facebook.