Tratamentos Individualizados

tratamento-individual

Psicoterapia de Base Psicanalítica Individual

A psicoterapia de base psicanalítica é uma ferramenta útil para todos os indivíduos – crianças, adolescentes, adultos e idosos -, que apresentem dificuldades na solução de problemas, gerando conflitos internos que os impedem de se desenvolverem plenamente, em busca de sentir prazer pela vida, através de um autoconhecimento e aceitação de si mesmo.

{A metodologia psicanalítica busca a remoção de sintomas através da associação livre de ideias, onde o paciente passa a apresentar uma escuta diferenciada sobre seu próprio discurso com o auxílio do psicoterapeuta, descobrindo as causas de seu sofrimento psíquico através de seus próprios insights.}

Trata-se de um processo complexo e por vezes longo, exigindo do paciente empenho, seriedade e coragem para enfrentar seus problemas, que resultam em melhora na sua dinâmica relacional.

As sessões tem duração de cinquenta minutos e são realizadas uma ou duas vezes por semana, de acordo com a necessidade verificada pelo profissional e/ ou paciente.

{A psicoterapia de base psicanalítica é indicada para transtornos de ansiedade (ex.: síndrome do pânico); depressão; dificuldades de relacionamento pessoal, social, profissional e afetivo; distúrbios de aprendizagem; escolha e mudança de carreira; distúrbios alimentares (bulimia, anorexia, obesidade); traumas, manias, obsessões e compulsões, dependência química, estresse, entre outros problemas que nos afligem no dia a dia.}

O trabalho do psicoterapeuta em alguns casos, é associado ao do psiquiatra, quando verificado a necessidade de acompanhamento medicamentoso para auxiliar o paciente no processo de recuperação e eliminação de sintomas que tornam sua vida disfuncional, causando sofrimento físico e psíquico.

 

Psicoterapia Cognitiva Comportamental

{A Terapia Cognitivo-Comportamental  (TCC) é uma abordagem psicoterápica que busca mediar a aplicação de duas técnicas distintas, a cognitiva – que acredita ser o pensamento responsável pelo comportamento manifesto e pela alteração emocional – e  a comportamental – que acredita ser o comportamento determinado pelas contingências –,  a fim de propiciar alívio ao sofrimento psicológico desenvolvidos no indivíduo por avaliações disfuncionais de eventos internos e/ ou externos (ambientais)}.

O comportamento serve como “termômetro” do sucesso do tratamento, através da mediação cognitiva, pois, ao alterar-se a maneira de perceber e pensar as contingências que deram origem a um determinado comportamento, estes propiciariam a possibilidade de alterar comportamentos futuros nestas mesmas contingências ou semelhantes a estas.

{A TCC possui três premissas fundamentais: 1) a cognição afeta o comportamento; 2) A cognição pode ser monitorada e alterada; 3) a mudança de comportamento pode ser promovida pela mudança cognitiva}.

Tem como característica o foco em um problema específico, com tempo limitado para ser trabalhado, onde o indivíduo aprende o modelo terapêutico sendo capacitado para enfrentar problemas futuros. O paciente tem uma posição ativa no processo terapêutico em conjunto com o terapeuta. O paciente recebe tarefas de casa para prolongar o efeito da sessão, além de realizar escalas e diários de monitoramento de atividades, pensamentos, sentimentos e sintomas.  A família do paciente também é orientada.

O terapeuta busca  auxiliar o paciente na identificação dos pensamentos automáticos e das crenças disfuncionais associadas a ela; propõe técnicas de reestruturação cognitiva; levanta hipóteses sobre a categoria da crença centra; especifica a crença preponderante; apresenta ao paciente a sua hipótese sobre a crença central, solicitando deste uma confirmação ou não da mesma; educa o paciente sobre crenças centrais em geral e sobre sua crença específica, orientando-o a monitorar as operações de sua crença central e, começa a avaliar e modificar a crença central junto com o paciente, auxiliando-o a especificar uma crença central nova e mais adaptativa.

 

Elizabeth Cristina Hiller
Psicóloga – CRP 06/58.203

Responder